Busca no Site:
Atos Públicos
 
29/05/2014 - ASSEMBLEIA DOS MORADORES DO RESIDENCIAL RISOLETA NEVES
 

 Aconteceu na noite de terça-feira, 27, no teatro do Campus Santo Antônio (UFSJ), a primeira reunião coletiva com todos os 440 proprietários de apartamentos do Residencial I do Programa Minha Casa Minha Vida. Depois da entrega das chaves, que aconteceu na segunda-feira, agora é a hora de definir questões técnicas e administrativas típicas do tipo de empreendimento imobiliário no qual eles vão residir. Entre vários temas, de alta relevância agora, e também a médio e longo prazos, a escolha do síndico e a definição da taxa de condomínio.

 

Desde o sorteio dos apartamentos, ocorrido em 8 de maio, os contemplados foram convidados a participar de reuniões menores, separados por blocos (prédios), apenas com os novos vizinhos mais próximos. Chamada "Pré-Morar", a etapa inicial ajudou na socialização e trouxe informações técnicas sobre os valores das prestações, regras dos contratos, o que pode e o que não pode, entre outros. Situações atípicas e extraordinárias, mas plausíveis, como por exemplo, morte do titular ou casos de divórcio, também entraram na pauta.

    O programa Minha Casa Minha Vida possui um seguro, que faz cessar a dívida em caso de morte do titular do contrato, tornando o apartamento automaticamente de propriedade dos herdeiros diretos. Como as inscrições ocorreram em 2009, quase cinco anos depois, muitas pessoas também já mudaram o seu estado civil. Alguns se casaram e outros se divorciaram. No programa, as mulheres são as beneficiárias principais. Em caso de separação do casal, a posse do apartamento é da mulher (considerando que, geralmente, ela é quem fica com a guarda dos filhos). Uma exceção é o caso de abandono do lar. Se a esposa abandonar a residência, a titularidade fica com o marido.

 

    Na reunião desta terça-feira, estavam em pauta também a eleição dos Conselheiros Consultivos do Condomínio e a forma de administração do mesmo. Agora, com o início da mudanças e ocupação dos apartamentos, outras questões vão surgir e as decisões já serão tomadas no coletivo. Todos os encontros são dirigidos por Técnicos da empresa ASP, que trabalha juntos aos beneficiários, em parceria com a Caixa Econômica, para ajudar na organização, socialização, fiscalização e mediação de conflitos, até que a própria convivência e experiência, no coletivo, ajude a formação do senso de comunidade no novo bairro.

Fonte: ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA PREFEITURA DE SÃO JOÃO DEL-REI 



Clique para imprimir! Voltar a página inicial! Voltar a página anterior!
 
 
 
 












ACESSE OS RESULTADOS DAS LOTERIAS

Fotos dos eventos com cobertura jornalistica de O Raio

FORMULA PARA CÁLCULOS DE JUROS

Stefan Salej

Camara Municipal de São João Del Rei

ATLHETIC CLUB

Venha se Hospedar na Morada do Sol

NUCAVE - Núcleo Campos das Vertentes

Paulo Rivetti

Unimed São João Del Rei

AGENCIA BRASIL

www.canilmolossosdecamargos.com.br

TURMA DO BUNEKO

 

 

 
  A Empresa | Eventos | Guia de Negócios | Legislação | Destaques | Contato | Mapa do Site
Todos os Direitos Reservados © 2018 DACAF - NOTICIAS E EVENTOS
Jornalista Responsável: Dermeval Antônio do Carmo Filho - MTE 17933MG
 
 
Página inicial Dacaf! Revista O Raio!